O Monte Saint Michel, “la merveille”

r912

A aventura promete ser maravilhosa. Os Caminhos do Medievo – Paths of Middle Ages continuam. Desta vez desfrutaremos, se Deus quiser, de momentos inesquecíveis para toda a nossa vida. Saint Michel nos espera. A magia medieval da ilha nos acolherá com seu vento, sol, nuvens, marés  e luar intrigantes. Venha comigo será um enorme prazer tê-los ao meu lado.

O Monte Saint Michel, ilha rochosa do noroeste francês, tem o apelido de “la merveille” (a maravilha). O motivo é claro: o monastério e a abadia medievais, homenagens ao Arcanjo São Miguel, dão um ar mágico e encantador ao local. Tombada como Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco em 1979, a ilhota é o terceiro ponto turístico mais visitado da França, perdendo apenas para a Torre Eiffel e o Palácio de Versalhes. Por ano, mais de três milhões de turistas aproveitam as belíssimas vistas das edificações históricas e das mudanças da maré.

t700

A história do lindo lugar remonta ao século VIII. Em 708, quando o Bispo de Avranches (Aubert), após uma visão milagrosa, mandou construir sobre o Monte Tombe, nome original do lugar, um santuário em homenagem ao Arcanjo Miguel. O santuário se tornou ponto de peregrinação, fazendo um eixo religioso com outras cidades francesas como Carcassonne e Avignon. A pequena capela sobre o rochedo se tornou ponto de peregrinação e deu origem a uma vila medieval. Ao mesmo tempo, monges beneditinos se mudaram para o local e deram início a um monastério. A igreja ganhou novas instalações no século XI e foi ampliada no século XII. Apenas no século XIII-com a ajuda de Felipe Augusto, então rei da França-o local recebeu fortificação e foi dado início à construção da atual abadia. O Monte Saint Michel se tornou uma fortaleza impenetrável. Resistiu a todas as tentativas de invasão dos ingleses na Guerra dos Cem Anos. Os cavaleiros franceses sitiados no interior da abadia contaram com a formação geográfica e com a fortaleza a seu favor que é um exemplo de arquitetura militar.

t502

Na ilha de pedra granítica, localizada na divisa entre a Normandia e a Bretanha, encontra-se uma das mais incríveis obras do mundo. Um ícone do medievo. Diferente do que se imagina à primeira vista, o Monte Saint Michel não é um castelo. Lá nunca viveram reis e rainhas, mas sim monges beneditinos e peregrinos. A região murada abriga um vilarejo medieval, um mosteiro e uma magnífica abadia que dá nome ao monte. Tudo rodeado por um maravilhoso fenômeno natural que atrai milhares de visitantes: as maiores marés da Europa. O Monte Saint Michel é ainda mais imponente diante da maravilhosa paisagem natural, ainda mais quando se percebe que ele é a única construção em meio à imensidão da baía. 

Andar por dentro dos muros do Monte Saint-Michel é como se sentir parte dos cenários de filmes medievais. O local preserva características de época e será difícil não se transportar para muitos séculos atrás. O momento talvez seja interrompido apenas pelos insistentes cliques dos milhares de turistas que todos os dias percorrem as vielas intramuros. Ainda assim, bastará fugir da rota principal, ou mesmo permanecer por lá até mais tarde, para ter a sensação de que Saint-Michel existe só para você. Se o horário permitir e o dia for de maré, procure um lugar bem alto para ver o retorno das águas. A depender da estação do ano, a primeira onda chega junto com o pôr do sol, o que torna o espetáculo ainda mais emocionante.

u900

Visitar o Monte Saint-Michel é se perder por horas em paisagens espetaculares, becos fantásticos, jardins encantados e muito sobe e desce de escadas. Você poderá entrar no vilarejo medieval e curtir cada um dos mirantes, as pequenas passagens entre lojinhas de souvenirs, restaurantes tradicionais e as casas dos poucos felizardos que moram por lá. Quem tem o privilégio de conhecer o Monte Saint-Michel, “a maravilha” , jamais o esquecerá. O impacto do medievo os tocará profundamente e lhe fará melhor posteriormente, Saint Michel te protegerá ainda mais. Espero, em junho de 2016, desfrutar, ao lado de vocês desta magnífica aventura e experiência. Conto com vocês ao meu lado, até lá. 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Professor Paulo Edmundo Vieira Marques

Post Footer automatically generated by wp-posturl plugin for wordpress.

Tiny URL for this post:
 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *